Treinos da Seleção feminina em Portugal terão preocupação com questão física e parte mental

Compartilhe:





Com atletas paradas há cinco meses, comissão técnica pensa em dosar os treinamentos para evitar lesões e não desperdiçar a oportunidade na Europa

A Seleção Brasileira feminina de tênis de mesa viaja nesta sexta-feira (21) para Portugal, onde inicia um período de pouco mais de um mês reunida na Missão Europa, feita em parceria entre a Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM) e o Comitê Olímpico Brasileiro (COB). A grande preocupação da comissão técnica, neste primeiro momento, é evitar um desgaste excessivo, com atletas se lesionando após cinco meses de treinos improvisados.

Viajam para a Europa, nesta sexta-feira, as atletas Caroline Kumahara, Jessica Yamada, Giulia Takahashi e Laura Watanabe, os técnicos Hugo Hoyama e Hideo Yamamoto e a fisioterapeuta Ana Lyra. A técnica Lígia Silva, também participará do período de treinamentos, a partir do dia 4. Bruna Takahashi já está em Portugal.

Segundo Hugo Hoyama, comandante da Seleção feminina, é preciso dosar o ímpeto das atletas, que estão confinadas há um bom tempo e podem sentir neste primeiro momento.

“Eu, particularmente, estou muito feliz. Veio numa hora muito importante, nenhuma atleta aguentava mais ficar em casa e ficar só fazendo exercícios. Teremos oportunidade de treinar no ginásio por quase 35 dias. Temos que ser muito inteligentes, fazendo treinos passo a passo, para depois chegarmos ao ritmo normal. Para mim, é a maior preocupação. É conversar bastante, as atletas precisam sinalizar quando estiverem sentido alguma coisa. Tomara que possamos aproveitar bem esse período”, torce o técnico.

Das atletas convocadas, Bruna Takahashi saiu um pouco na frente. Ela já está treinando desde a semana passada, no Centro de Alto Rendimento da Vila Nova de Gaia, localizado na Região Metropolitana do Porto, e pertencente ao Sporting, clube onde a atleta atua. É lá que a Seleção Brasileira vai realizar os treinamentos, num espaço que conta com alojamento para atletas, nove mesas, sala de musculação, área para os técnicos, entre diversas outras facilidades.

Segundo Hugo Hoyama, o período de treinamentos terá importância em diversos aspectos. E até mesmo ele, ex-atleta, pretende aproveitar o período para diminuir o peso ganho durante todo este tempo sem atividades.

“Vai ser um período muito importante para trabalharmos a parte física, técnica, mental e de relacionamento. Vou aproveitar também! Em casa, a gente acaba comendo alguma coisinha a mais. Eu e o Hideo estamos levando nossas raquetes para treinar”, avisa.

Todos os membros da delegação já realizaram testes para detecção de Covid-19, com resultado previsto para antes da viagem, que acontece no período da tarde. Após a chegada em Portugal, todos repetem os exames e permanecem isolados até a divulgação dos resultados e liberação. Só então, iniciam os treinamentos.

 

Serviço
Por: Assessoria de Imprensa - CBTM
VÍDEO: Entrevista completa de Hugo Hoyama no TMB News: 
https://youtu.be/t80Ui0QbV7M

Foto: Da esquerda para a direita: Jessica Yamada, Caroline Kumahara e Hugo Hoyama.  Arquivo: Wander Roberto/COB.

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO