Waldez propõe criação de bases de monitoramento e plano permanente para Amazônia

Compartilhe:





A criação de bases de monitoramento e um plano permanente com ações para proteção e desenvolvimento sustentável da Amazônia são propostas apresentadas pelo governador do Amapá, Waldez Góes, na reunião dos governadores da Amazônia Oriental (Pará, Maranhão, Amapá, Tocantins e Mato Grosso) com a comitiva do governo federal, que ocorreu nesta segunda-feira, 2, no Hangar Centro de Convenções da Amazônia, em Belém (PA).

Para o governador, essa pode ser uma oportunidade única para estabelecer uma agenda permanente e, além do plano emergencial, criar ações de combate, monitoramento e punição a quem comete crimes ambientais. “Precisamos criar bases de monitoramento integradas entre os estados, fortalecer as fiscalizações e punir os responsáveis pelo desmatamento ilegal da Amazônia, que ocorre o ano todo”, defendeu o chefe do Executivo amapaense.

Góes, que é presidente do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável da Amazônia Legal, também reforçou a necessidade da implantação de uma sala de situação, proposta pelo governador do Pará, Helder Barbalho, e sugeriu sua ampliação para a Amazônia.

O governador do Amapá ainda propôs que a governança territorial e ambiental, infraestrutura, economia verde e serviços públicos sejam eixos do planejamento estratégico, discutidos e trabalhados como essenciais para o desenvolvimento econômico da Amazônia. A proposta do consórcio foi entregue ao presidente Jair Bolsonaro na semana passada, em Brasília.

A reunião ocorre uma semana após encontro dos governadores com o presidente Jair Bolsonaro. “Foi uma determinação do presidente, após reunir com os governadores, para que possamos ouvir as demandas”, informou Lorenzoni.

Também participam da reunião os governadores Mauro Carlesse, do Tocantins; Mauro Mendes, do Mato Grosso; e o vice-governador do Maranhão, Carlos Brandão, além de parlamentares;

A comitiva federal é composta pelos os ministros Onyx Lorenzoni (Casa Civil); Ricardo Salles (Meio Ambiente); Fernando Azevedo (Defesa); Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento); e Jorge Oliveira, (Secretaria Geral da Presidência da República).

Nesta terça-feira, 3, o grupo segue para Manaus, onde participa de uma segunda reunião sobre o assunto com os estados do Amazonas, Acre, Roraima e Rondônia.

 

Por: Anne Santos /  Foto: Patrick Almeida

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO