Smile Train firma parceria em Macapá para garantir cirurgias e tratamento de ponta a pacientes com fissura labiopalatina






Nesta segunda-feira, dia 10, a Diretora da ong Smile Train na América do Sul, Mariane Goes, estará em Macapá para firmar parceria inédita com o Reface que garantirá cirurgias e tratamento para crianças, jovens e adultos com fissura labiopalatina.
 
Graças a esta parceria, Macapá ampliará a capacidade do centro de referência para pacientes que sofrem com essa condição. A Smile Train, que tem como objetivo oferecer tratamento completo aos pacientes fissurados ao redor do mundo, é parceira do Reface nesse programa para atender pacientes do Amapá que não conseguiam atendimento e tinham que se deslocar para centros médicos em outros estados.
 
O cirurgião bucomaxilofacial Dr. Fernando Almas, diretor do Reface, e o cirurgião plástico Dr. Alexandre Lourinho estão à frente de todas as cirurgias realizadas no Hospital São Camilo, em Santa Rita. Além disso, o centro interdisciplinar funciona no IMMES - Instituto Macapaense de Melhor Ensino Superior, no Centro, disponibilizando tratamento. “Dr. Alexandre é um apoiador da causa da fissura labiopalatina e há mais de 20 anos realiza cirurgias reparadoras em Macapá. Nos conhecemos no ano passado e juntamos forças para ampliar o atendimento. Com a chegada da Smile Train poderemos ir além. Atualmente temos 189 pacientes aguardando a cirurgia mas sabemos que o número
é maior”, informa Dr. Fernando Almas.
 
Mariane conhecerá o hospital, o centro interdisciplinar e, às 17h, fará uma palestra para estudantes do IMMES das áreas de psicologia, assistência social, nutrição, enfermagem, odontologia e médica. A diretora apresentará aos estudantes o trabalho da Smile Train no Brasil e no mundo, que tem como objetivo evitar que as crianças nascidas com fissura labiopalatina cresçam com essa deformidade congênita. “Fechar mais essa parceria é muito importante para nós da Smile Train. Dr. Fernando Almas e Dr. Alexandre Lourinho iniciaram este trabalho na região e ficamos felizes ao sermos convidados para iniciar uma parceria e ampliar o atendimento. Agora, mais famílias e pacientes vão
conseguir atendimento de qualidade sem precisar se deslocar para tão longe. O tratamento para fissura labiopalatina, enfim, chegou até elas”, comemora Mariane.
 
Sobre a Smile Train
No Brasil desde 1999, a Smile Train alcançou em 2016 a marca de 27 mil cirurgias. Esse aumento só foi possível graças aos 97 cirurgiões e 36 parceiros - hospitais e fundações médicas -, espalhados por 20 estados brasileiros. Estima-se que no país mais de 4.300 crianças nascem com fissuras todos os anos. Em 2016, 3.800 pacientes foram operados pela Smile Train e seus parceiros.

A Smile Train conta com mais de 1.100 hospitais parceiros no mundo e mais de 2 mil cirurgiões totalmente capacitados a oferecer tratamento de qualidade para crianças carentes. Todos os programas e parceiros são acompanhados de pertinho para que eles mantenham os mais altos padrões de qualidade e segurança, além de promover sua autossuficiência.

Para saber mais acesse: www.smiletrainbrasil.com

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA COTIDIANO