Covid-19: Governo envia a Oiapoque medicamentos e profissionais da Sa├║de

Compartilhe:





O avião Cessna-210, do Grupamento Tático Aéreo (GTA), levou à Oiapoque, neste domingo, 17, medicamentos e profissionais da saúde para reforçar o enfrentamento ao novo coronavírus. O município faz fronteira com a Guiana Francesa.

A equipe da Saúde, que conta com a secretária adjunta de Enfretamento a Covid-19 do Estado, Maracy Andrade, passou novas orientações a profissionais da linha de frente de Oiapoque baseadas em tratamentos utilizados na rede estadual.

“Levamos medicamentos e vamos reunir com coordenadores para uma análise geral do cenário. Assim, definimos o que vamos fazer para um atendimento melhor em Oiapoque com atenção para profissionais da saúde e pacientes”, disse a doutora Maracy.

 

Renda Cidadã Emergencial

Também o neste domingo, a aeronave do Governo do Estado enviou ao município os cartões do “Renda Cidadã Emergencial”, programa voltado para atender população mais carente e trabalhadores informais.

Os cartões servirão para atender cerca de 672 famílias, que poderão adquirir alimentos e materiais de higiene pessoal e de limpeza. O valor disponível é de R$ 240 e as entregas devem iniciar na segunda-feira, 18, no SuperFácil de Oiapoque.

 

Outras missões aéreas

Desde que iniciou a pandemia, as aeronaves do Estado operam nas ações de enfrentamento da Covid-19 com transporte de equipamentos, insumos e profissionais que atuam na linha de frente da Saúde e Segurança Pública.

Já foram realizados nove voos pelo Cessna-210, do GTA, e duas viagens pelo avião Bandeirante.

“Nosso plano de ação é dar apoio aos órgãos que compõem a frente de trabalho de combate a pandemia. Antes dos testes serem feitos no estado, o GTA chegou a levar amostras biológicas para serem analisadas no Pará”, disse o comandante Ajaje Rachid.

Na semana passada, mais de uma tonelada de equipamentos de proteção individual e medicamentos foram transportados de Brasília para o Amapá. As aeronaves também transportaram 11 médicos que vieram de Goiânia e 25 respiradores.

 

 Foto: Brenno Brazão/Governo do Estado

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA Sa˙de