Enem 2020: prazo para pagamento de boleto da inscrição foi prorrogado

Compartilhe:





Candidatos devem entrar na Página do Participante para gerar novo documento

 

A partir de amanhã (3), candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que perderam a data do vencimento do boleto da taxa inscrição terão até o dia 10 de junho para realizar o pagamento – a data anterior foi até o dia 28 de maio. O boleto deve ser emitido na Página do Participante.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a ampliação do prazo de pagamento integra mais uma decisão da instituição em meio à pandemia do coronavírus, que tem imposto mudanças no calendário da prova.

O boleto no valor de R$ 85, mesmo da edição do ano passado, pode ser pago em qualquer agência bancária, casa lotérica ou agência dos Correios, respeitando aos critérios estabelecidos por esses correspondentes bancários. Os boletos gerados na última semana perderam a validade e, por isso, devem ser descartados.

Há, ainda, cerca de 300 mil inscritos que não efetuaram o pagamento do boleto para confirmar a inscrição do Enem 2020. Outras 5,7 milhões de inscrições já estão confirmadas, conforme o Inep.

Aplicação Enem 2020

Ainda não há uma data definida para a aplicação da avaliação. A última decisão do Ministério da Educação é de que a prova será aplicada entre 30 a 60 dias das datas inicialmente previstas em edital. A definição, no entanto, também passará por consulta aos inscritos ainda este mês.

O Enem para muitos estudantes é a principal porta de entrada para cursos do ensino superior, através de seleção própria de universidades e faculdades ou por meio de programas do governo federal como Sisu e Prouni.

O Ministério da Educação realizou um balanço na semana passada, contabilizando 6.121.363 inscrições feitas, das quais 101.100 são para o Enem Digital, principal novidade anunciada para a edição do Enem 2020. Dos inscritos, 81,7% são alunos de escolas públicas, dado 11,2% maior do que o registrado em 2019. Além disso, 65% concluíram o ensino médio em anos anteriores, 23% são concluintes e 12% são treineiros - quem está no primeiro ou no segundo ano do ensino médio

 

 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

 



Deixe seu Comentário

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL VOLTAR A PÁGINA Sade