Foto: Polícia Civil

Mentor intelectual de assalto ocorrido na Fazendinha é capturado

Na trama do crime, dois homens e uma mulher, eles vestidos com uniformes da PMM, renderam a família com arma de fogo. Segundo a Polícia, o investigado não participou do crime, ele planejou e indicou o local.


Na tarde desta quinta-feira, 2, a Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Patrimônio (DECCP), prendeu um homem de 27 anos de idade, suspeito de ser o mentor intelectual do roubo ocorrido em uma residência localizada no Conjunto Murici, no bairro Fazendinha, no último dia 25.

A prisão aconteceu no bairro Pacoval, através do cumprimento de mandado de prisão temporária.

"Dois homens, que estavam vestidos com uniformes de gari da Prefeiturade Macapá, e uma mulher, invadiram a residência, renderam a família e sob grave ameaça subtraíram uma arma de fogo, dinheiro, joias, celulares e outros objetos de valor. O indivíduo preso não participou efetivamente do roubo, ele quem indicou a residência a um dos assaltantes, mostrou como deveria entrar e passou a informação de que, no local, havia uma arma de fogo, dinheiro e joias. Ele confessou ter sido o mentor intelectual do crime e alegou um descontentamento pessoal com o ex-patrão, o dono da residência. O suspeito trabalhou no comércio das vítimas, que fica ao lado da residência. Ele confessou ainda que, recebeu R$ 500 em espécie pelas informações repassadas e, após o roubo, receberia a mesma quantia novamente, porém, isso não ocorreu", explicou o Delegado Vladson Nascimento.

As investigações continuam no sentido de localizar e prender os dois homens e a mulher que praticaram o roubo.

Publicidade



O que achou desta notícia?


Cursos Básicos para Concursos