Foto: Jean Saiz/Arquivo/Márcia do Carmo/GEA e divulgação/Planalto
Amapá anuncia construção de Terminal Hidroviário em Macapá para impulsionar transporte fluvial

Amapá anuncia construção de Terminal Hidroviário em Macapá para impulsionar transporte fluvial

Governo do Amapá receberá cerca de R$ 60 milhões para investir na obra, beneficiada pelo recurso do programa federal.


O Governo do Amapá avança para promover o desenvolvimento por meio do transporte fluvial. Anunciado na última sexta-feira, 11 de agosto, o primeiro Terminal Hidroviário de Macapá será construído com recursos do Novo Programa de Aceleração do Crescimento (Novo PAC) do Governo Federal, com o intuito de impulsionar o transporte de cargas e passageiros pelo Rio Amazonas.

A obra do terminal hidroviário terá um investimento estimado de R$ 60 milhões e contará com uma estrutura moderna, ampla e confortável. A localização estratégica inclui um ponto de atracagem em conexões terrestres, possibilitando a movimentação eficiente de produtos, cargas e passageiros. A iniciativa visa não apenas facilitar o escoamento da produção, mas também melhorar a qualidade de vida dos usuários e da população em geral.

O governador Clécio Luís destaca a importância dessa conquista: "O Terminal Hidroviário de Macapá faz parte de um conjunto de sete terminais distribuídos em municípios que são vitais para os serviços de embarque e desembarque de passageiros e mercadorias em nossas importantes vias fluviais, como o Rio Amazonas. Este será um espaço estruturado, seguro e digno para todos."

O início da execução da obra está prevista ainda para este ano, com a primeira etapa de elaboração e definição do projeto executivo, cujo custo será de R$ 3 milhões. O valor destinado para a execução total da obra é de R$ 60 milhões.

Outros projetos prioritários, definidos pelo Governo do Amapá para inclusão no Novo PAC, incluem a finalização da Rodovia BR-156 nos trechos Norte e Sul, a construção de uma ponte sobre o Rio Jari e a edificação de moradias pelo programa Minha Casa, Minha Vida.

O Novo PAC, que prevê um investimento de R$ 28,6 bilhões para o Amapá, está organizado em medidas institucionais e nove eixos de investimentos para o estado. Esses eixos abrangem áreas como inclusão digital, saúde, educação, infraestrutura social, cidades sustentáveis, água potável, transporte eficiente, energia renovável e inovação para a indústria da defesa.

O Terminal Hidroviário de Macapá é uma iniciativa do Governo do Amapá para impulsionar o desenvolvimento do Estado, promovendo a expansão e modernização das infraestruturas de transporte e logística no estado.

Publicidade



O que achou desta notícia?


Cursos Básicos para Concursos