Piloto que sobreviveu à queda de helicóptero agradece a persistência de todos

Piloto que sobreviveu à queda de helicóptero agradece a persistência de todos

”Obrigado a todos que não desistiram”, essas foram as palavras do piloto que sobreviveu a queda do helicóptero na região do Parque do Tumucumaque no Amapá.


 Os três sobreviventes da queda de um helicóptero, na Região do Parque do Tumucumaque, no Amapá, que estavam desaparecidos há três dias, foram resgatados na tarde deste sábado, 19, pelas equipes de salvamento da força-tarefa montada pelos governos do Amapá e Pará.

O piloto, Josilei Albino de Freitas, 51 anos; o engenheiro, José Francisco Pereira, 67 anos;  e o mecânico, Gabriel Assis, 35 anos, tripulantes da aeronave que prestava serviços para o Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei) e Funai, que caiu na mata fechada, na última quarta-feira, 16, foram localizados próximo ao Rio Iratapuru, cerca de 70 quilômetros do município de Pedra Branca do Amapá.

“Obrigado por todo o apoio, a todos que não desistiram, por toda a gentileza e presteza dos órgãos do Governo local [Amapá], da Força Aérea, e dos grupos de resgate aéreos do Amapá e do Pará, que a gente conseguiu contato e graças a Deus, e ao treinamento, conseguimos ter todo mundo com vida, pousar um helicóptero com pane é complicado, numa selva dessa ainda mais difícil, mas estão todos com vida e bem de saúde”, agradeceu o piloto e ex-militar Josilei Freitas.

Os tripulantes desembarcaram no aeroporto internacional de Macapá, por volta das 14h30, onde foram recepcionados pelo secretário de Justiça e Segurança Pública, José Neto, e pelas equipes médicas do Samu e do Corpo de Bombeiros, sendo encaminhados para o Hospital de Emergência (HE) de Macapá.

A secretária de Saúde, Silvana Vedovelli, informou que os sobreviventes foram acolhidos e estão sendo acompanhados por uma equipe médica multiprofissional, recebendo os cuidados necessários e exames complementares.

“Para nossa felicidade hoje foram encontrados os tripulantes desaparecidos. São três pacientes que estão orientados, conscientes, em atendimentos na nossa sala de emergência do HE. Já conversamos com familiares e a mãe do Gabriel, que está em Macapá, e está sendo acolhida também aqui no hospital. Então o Governo do Amapá está fazendo tudo pelos pacientes, todos os exames serão feitos e toda a equipe está de prontidão para fazer o acolhimento e o atendimento deles”, explicou a secretária.

Os três sobreviventes ficarão internados em observação nos próximos dias. Segundo o boletim médico divulgado, na noite deste sábado, 19, pelo hospital, nenhum dos pacientes apresentou qualquer fratura, mas todos estão com quadros de moderado a leve de desidratação.

Publicidade



O que achou desta notícia?


Cursos Básicos para Concursos